Saúde

Saimos de casa cedo para conseguir um bom lugar para ver Sua Santidade Dalai Lama, chegamos com 2 horas de antecedência, eu, meu marido Roberto  e minha irmã Marcela.

O lugar estava com uma energia fantástica, encontrei com vários monges, inclusive com a Monja Cohen, que simplicidade!

As 9h30 pontualmente, entra Sua Santidade Dalai Lama, com toda sua humildade, jovialidade e bem à vontade, inicia sua palestra sobre Convivência Responsável e Solidária.

 Transcorrerei agora um pouco de suas palavras: “A comunicação deve acontecer entre os homens, somos todos iguais, as diferenças que existem entre nós, são secundárias. É através do diálogo que vamos construir o séc XXI melhor”.

“Muitos tem a visão de que em uma guerra, se derroto o meu inimigo, isso me trás felicidade, mas destruir o seu vizinho, é destruir a si mesmo. Seu inimigo é o seu caminho para crescer nos seus valores internos… O desarmamento externo deve existir, mas para isso acontecer, devemos primeiro nos desarmar internamente, de raivas, iras, medos, mágoas, invejas… Não cultivem raiva de outras pessoas, você precisa se opor e não se submeter ao ato injusto, mas nunca perca o respeito e a compassividade em relação a pessoa que fez a ação”.

“Para alcançar este mundo melhor, precisamos ter RESPONSABILIDADES sobre os nossos atos. E em segundo lugar, EDUCAÇÃO”.

“Cultivem o calor do coração, ou melhor, busquem amor e compaixão, isso esquenta o nosso coração. Estes valores internos nos beneficiam com auto confiança, paz interior e nos tiram o medo. Alcançamos isso através de  3 caminhos: O primeiro caminho é proposto pelas religiões teístas, elas fornecem o Deus infinito, que é amor, para os praticantes cultivarem essas qualidades do coração. O segundo caminho é proposto pelas religiões não teístas. Se você pratica bons atos, isso reverte a você”. “Existem muitas pessoas que não tem uma religião, e para eles a paz interior também é importante. Essas pessoas também buscam a felicidade, esses valores do coração. Então o terceiro caminho encaixa para quem não tem religião, o secularismo. Suas características se baseiam na educação, nos valores éticos e morais, no bom senso, nas experiências comuns, e nas descobertas da ciência. Estes valores éticos e morais deveriam ser ensinados em todas as escolas, mas hoje, cabe as famílias este ensinamento”.

“Busquem esses valores do coração, eles são a base da felicidade própria, da felicidade na família, no seu País e na humanidade”.

Maria Fernanda Jacob

Anúncios

Comentários em: "4ª Visita de Sua Santidade Dalai Lama ao Brasil" (2)

  1. Denise disse:

    Fê!!! Que lindo! Adorei!! Idéia excelente esse blog e mais ainda saber que tem entrado mais a fundo nesse caminho 🙂 !! foi inspirador ler seu texto!! Obrigada por compartilhar essa experiência!!
    Mtos beijos e saudades!!

  2. Silmara disse:

    Fê!!

    Que lindo!!
    Quanta luz, obrigada pela mensagem!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: